As novidades da San Diego Comic Con

Escrito por Eduardo Marchiori.

20495551 1545070595552304 1230536263 o

Aconteceu, de 20 a 23 de julho, em San Diego (Califórnia, EUA), o maior evento de cultura pop do mundo, onde os fãs de quadrinhos, cinema e séries de TV, ficam conhecendo as principais novidades daquilo que está sendo feito pelas editoras e grandes estúdios. Além disso, é a oportunidade para conseguir autógrafos e fotos com os grandes artistas do mercado.

Uma enxurrada de informações foram apresentadas nos quatro dias de evento e o Meu Herói faz um resumão para você: evidentemente, o que causou mais movimentação nas redes sociais foi o pôster e o trailer de Liga da Justiça, um dos filmes mais aguardados do ano, que trará a reunião dos principais heróis da DC Comics.

A Warner também anunciou mudanças no seu cronograma de filmes: o longa-metragem do Flash, cuja estreia deveria acontecer no ano que vem, passou para 2020 e passa a se chamar Flashpoint, trazendo a saga homônima dos quadrinhos. Também foram anunciados para 2019 as continuações de Esquadrão Suicida e Mulher-Maravilha e confirmados os filmes de Shazam (2019) e Tropa dos Lanternas Verdes (2020).

 As novidades ficam por conta da Liga da Justiça Sombria e Batgirl, substituindo Cyborg, que saiu da lista. Tha Batman, novo filme solo do Homem-Morcego, cercado de indefinições, foi finalmente confirmado, mas nenhum desses filmes tem ainda data de estreia programada.

A Marvel Studios, claro, não poderia ficar para trás e lançou trailer e poster de Thor: Ragnarok, novo filme do Deus do Trovão que estreia poucos dias antes da Liga da Justiça. Além disso, o estúdio também soltou pôsteres de Pantera Negra, imagens conceituais de suas próximas produções – Homem-Formiga e Vespa e Capitã Marvel – e frustrou a expectativa dos fãs ao liberar apenas um pôster triplo de Vingadores: Guerra Infinita, mas não apresentou o trailer (já mostrado na D23, evento da Disney que aconteceu na semana anterior).

O evento também divulgou os vencedores do Eisner Awards, o Oscar dos Quadrinhos americanos, no qual a grande vencedora foi a HQ Saga, de Brian K. Vaughan e Fiona Staples, da Image Comics. Saga ganhou nas categorias de Melhor Série em continuidade, Melhor escritor (para Brian K. Vaughan), Melhor desenhista e Melhor Capista (ambas para Fiona Staples).

Além disso, o público também pôde conferir o trailer do novo filme da franquia Star Trek (Star Trek: Discovery) e informações sobre as novas temporadas de Arrow, Supergirl, The Flash, Legends of Tomorrow, Raio Negro, Inumanos, The Gifted, Walking Dead e Defensores. Além, é claro, da aguardadíssima segunda temporada de Stranger Things.

Na linha de quadrinhos, a notícia mais relevante é que Frank Miller vai escrever Superman: Ano Um, uma série que segue na mesma linha do clássico Batman: Ano Um, também de autoria de Miller, e narra as aventuras do Homem de Aço em seus primeiros dias. Nada que já não tenha sido feito “N” vezes antes, mas se tem o nome de Frank Miller envolvido, o mercado fica de orelha em pé (para o bem ou para o mal.). Vamos aguardar pra ver o que isso vai dar.

Felipe Folgosi lança sua segunda HQ

20472700 1545070635552300 265737218 o

Boas notícias para o mercado nacional de quadrinhos. O ator e roteirista Felipe Folgosi acaba de lançar Comunhão, sua segunda HQ, que foi financiada pelo Catarse em 2016. O álbum conta com arte em preto e branco de J. B. Bastos, artista responsável pelos desenhos de Night Trap e Knight Rider, títulos da editora Lion Forge, nos Estados Unidos.

O autor de Aurora (HQ que também foi financiada pelo Catarse em 2014), desta vez resolveu criar uma história de terror, que se passa na Amazônia, envolvendo um grupo de amigos que se perdem na mata e precisam aprender a sobreviver naquele ambiente inóspito. A arte em preto e branco segue o estilo das antigas publicações do gênero e o formato de 22,3 cm X 31,5 cm é bem maior do que comumente vemos no mercado. Comunhão tem 144 páginas e pode ser encontrado nas bancas e livrarias especializadas.

O centenário do Rei

20464388 1545070532218977 185119390 n

Se estivesse vivo, Jack Kirby estaria completando 100 anos de vida. O artista, que morreu em 1994, aos 76 anos, é responsável, entre outras coisas, pela criação do Capitão América na década de 1940 em parceria com Joe Simon;  pelo nascimento do Universo Marvel, co-criando, com Stan Lee, heróis como Quarteto Fantástico, Thor, Hulk, X-Men e, pela DC, deixou sua marca criando os Novos Deuses e aquele que se tornaria o maior vilão da editora: o vilão Darkseid.

20496379 1545070545552309 520320531 n

Claro que a data não poderia passar em branco e muitas homenagens estão sendo feitas. O site Guia dos Quadrinhos lançou o livro Os Mundos de Jack Kirby, no qual 100 artistas criam suas versões para os personagens do Rei. O jornalista e escritor Roberto Guedes também prestou sua homenagem a Kirby com o livro Jack Kirby, O Criador dos Deuses, pela Editora Noir, onde narra a biografia do mestre dos pincéis.

20465094 1545070585552305 1640527375 o

A Panini, por sua vez, lança agora em agosto, o encadernado Lendas do Universo DC – Super Powers, que traz uma das últimas obras do quadrinhista para a Editora das Lendas, ainda inédito no Brasil. Trata-se de uma minissérie publicada em 1986, estrelada pelos maiores heróis da casa, como Superman, Batman, Mulher-Maravilha e Aquaman. Em setembro, chega o volume 2. Infelizmente, parece que só a Marvel esqueceu de homenagear seu criador...

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar